Boletim Mensal da Dívida Pública, junho 2017, IGCP

Página criada: Domingo, 24 Junho 2018 17:37GMT

Comunicado de Imprensa:  24 junho 2018 - Página(s)
Palavras-Chave:
Custo da dívida  Dívida Pública   Estado  Governo   Juros  Obrigações

Em 31 de maio de 2018, o saldo da dívida direta do Estado cifrou-se em EUR 246.345 milhões, aumentando 0,4% face a abril de 2018. Este incremento no stock ficou a dever-se, essencialmente, ao aumento do saldo de OT, explicado pelas emissões da OT 4,95% OUT2023 (no montante de EUR 724 milhões) e da OT 2,125% OUT2028 (no montante de EUR 483 milhões). Por outro, lado realizaram-se 2 leilões de BT, nos montantes de EUR 501 milhões (na linha a 6 meses BT 16NOV2018)  e  EUR 1.253 milhões (na linha a 12 meses BT 17MAI2019), que parcialmente compensaram a amortização do BT 18MAI2018 no valor de EUR 3.036 milhões. Adicionalmente, o saldo de CEDIC registou um aumento de EUR 317 milhões ao passo que o saldo de CEDIM não registou alterações face ao mês anterior. O saldo de CA registou uma diminuição de EUR 14 milhões, enquanto o saldo de CT manteve um contributo positivo, aumentando EUR 169 milhões. As contrapartidas das contas margem recebidas no âmbito de derivados financeiros registaram um aumento de EUR 296 milhões. As flutuações cambiais contribuíram para um aumento do stock da dívida de EUR 201 milhões. A dívida após coberturas cambiais situou-se em EUR 245.549 milhões, refletindo os efeitos favoráveis das coberturas cambiais (no valor de EUR 795 milhões). Face a abril, a dívida após coberturas cambiais aumentou 0,3%.