Índice de Volume de Negócios no Retalho,março 2015, INE

Página criada: Quinta-feira, 30 Abril 2015 12:17GMT | Atualizada: Quinta-feira, 30 Abril 2015 16:22GMT

Comunicado de Imprensa:  30 abril 2015 - 9 Página(s)
Palavras-Chave:
Comércio a Retalho  Emprego  Horas Trabalhadas  Índice de Volume de Negócios  Remunerações

O Índice de Volume de Negócios no Comércio a Retalho registou em março uma variação homóloga de 1,7% (3,3% no mês anterior). Os índices de emprego, do número de horas trabalhadas ajustadas de efeitos de calendário e das remunerações apresentaram, no mês de referência, taxas de variação homóloga de 1,3%, de 1,7% e de 3,4%, respetivamente (0,8%, -1,6% e 3,0% no mês anterior, pela mesma ordem). No primeiro trimestre de 2015, as vendas no comércio a retalho subiram 2,7% em termos homólogos (1,1% no 4º trimestre 2014).



Título original:  Abrandamento do Índice de Vendas no Comércio a Retalho - Março de 2015